Ata Assembléia APAHTI 2017

ATA DA ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA DA ASSOCIAÇÃO DOS PROPRIETÁRIOS DO APART-HOTEL TERMAL INTERGRAVATAL -APAHTI

 

Aos vinte dias do mês de junho de dois mil e dezessete, às quatorze (14) horas, na sede da Associação dos Proprietários do Apart-Hotel Termal Intergravatal – APAHTI, sito na Rua Uruguai, 300 – 12º andar, nesta Capital, reuniram-se em Assembleia Geral Ordinária, em segunda chamada, conforme Edital de Convocação, datado de 05 de junho de 2017, enviado por carta circular a todos os associados. O Presidente da APAHTI, Sr. Alfredo Bertolhio Paim, tendo em vista não haver quorum para a realização da Assembleia em primeira convocação, deu por aberto os trabalhos, em segunda chamada, às 14 horas e indicou o associado Álvaro Danúbio Copetti para presidir a Assembleia, indicação que foi aprovada pelos presentes. O Sr. Álvaro Danúbio Copetti assumiu a presidência dos trabalhos e convidou a mim, José Julião Farias Pereira, para secretariar a Assembleia, indicação devidamente aprovada pelos presentes. De imediato deu início a sessão, solicitando ao Senhor Secretário a leitura do Edital de Convocação da Assembleia Geral Ordinária, com a seguinte Ordem do Dia: a) Exame das Contas e Relatório da Diretoria Executiva referente ao último exercício; b) Fixação do valor da contribuição social; c) Assuntos Gerais. O Presidente da A.G.O. relembrou que a ata de assembleia, conforme definido na A.G.O. de 25/06/2015, continua sendo disponibilizada, para consulta, através do site www.intergravatal.com.br, link da APAHTI e na página www.facebook.com/apahti. Face a isto, não foi procedida a leitura da mesma. Assim, sem qualquer manifestação, nem pedido de alteração ou inclusão submeteu à aprovação da atual Assembleia que, por unanimidade, a aprovou. Passou-se, a seguir, ao exame da Ordem do Dia: Item “a” – Exame das Contas e Relatório da Diretoria Executiva, referente ao último exercício: O Secretário da Assembleia fez a leitura do parecer do Conselho Consultivo que propôs a aprovação de todas as contas do exercício passado. O Presidente da Assembleia passou a palavra ao Presidente da APAHTI a fim de que prestasse explicações dos itens do balanço referente ao exercício recém-findo. O Presidente da APAHTI explicou detalhadamente o balanço apresentado e disse estar a disposição, neste momento, para maiores informações a respeito. Como não houve manifestações o Presidente da Assembleia pôs em votação, sendo as contas do período aprovadas por unanimidade. Item “b” – Fixação do valor da Contribuição Social: Foi apresentada pela Diretoria Executiva a proposta para que o valor da anuidade social, hoje de R$ 60,00 (sessenta reais), passe para R$ 65,00 (sessenta e cinco reais), valor superior a inflação do período. O associado Gilnei Conde Coelho ponderou e justificou, achando que o valor deveria ser apenas a reposição da inflação (mais ou menos 3,5%), como muito dos aumentos no país ou, devido ao baixo índice, não haver reajuste. O Dr. Milton Rey Gomes disse que a inflação é índice governamental que apresenta distorções, bem como a Associação tem diversas despesas flutuantes. O associado Roberto Cardoso relatou que a anuidade paga em torno de 20% (vinte por cento) da folha de pagamento anual e o dissídio foi mais alto que a inflação. A associada Eda Rosa Xavier defendeu o aumento acima da inflação a fim de preservar e manter o patrimônio da Entidade. Também foi informado aos presentes que o plano de saúde dos funcionários subirá acima de 11% (onze por cento) e, depois, o associado Brial Allem relatou que, em anos anteriores, a assembleia congelou o valor da anuidade e depois, para recuperação do poder de investimento, houve aumento muito superior ao da inflação. Também relatou que o lucro da Associação, nesse exercício, foi praticamente igual ao que se arrecadou na anuidade. Após exaurir-se o debate, posta em votação a proposta de R$ 65,00 (sessenta e cinco reais) anuais foi aprovada com um voto contrário. Item “c”- Assuntos Gerais: O Presidente colocou a palavra à disposição dos presentes para qualquer manifestação. Foi informado pelo Presidente da Associação que está em estudo a proposta de todos os proprietários de cotas sejam associados da APAHTI. O associado José Maia ponderou que há artigo na Constituição Federal quer versa sobre a livre liberdade de associação. O associado Roberto Cardoso disse que a taxa que o CAHTI paga à APAHTI não pode vincular os serviços prestados para aqueles que não são proprietários. Depois disto, com a palavra o Presidente da APAHTI relatou melhorias que estão ocorrendo no Condomínio, com a inauguração, em breve, da lancheria “Café com Arte”; a troca de posição, manutenção e limpeza dos aparelhos de ar condicionado, bem como a revisão da parte elétrica e hidráulica, do Bloco “B”; início da troca de colchões, que datam de “2008”, também do Bloco “B”. Informou que em maio de 2016 havia 1418 associados e, em maio deste ano 1419, apesar das baixas relativas à venda de cotas, bem como em razão de óbitos. A associada Jurema Lourenço dos Santos indagou sobre o motivo do aumento da taxa de cobrança sobre a venda das semanas. Foi informado que a pedido de diversas pessoas, houve disponibilidade do pagamento por cartão de débito e o custo disto foi repassado. O associado Amyr Barrionuevo sugeriu que fosse levada propaganda da APAHTI para ficar a disposição no Gravatal. Alguns associados relataram sobre casos de depredação (riscos nas paredes) do Condomínio causados por usuários, pedindo que os funcionários do CAHTI tivessem mais controle sobre os incidentes e, também, sugeriram que os proprietários de cotas fossem responsabilizados nas indenizações dos prejuízos. Foi informado que já há previsão no Regulamento do Condomínio sobre esse assunto. O sr. Brial Allem solicitou, e foi aprovado, um voto de pesar pelo falecimento do associado Domiciano José da Cunha, pelos serviços prestados à APAHTI. Ao final o Presidente, sr. Alfredo Paim, comunicou que houve modernização na estrutura física do prédio, bem como as funcionárias estão com novo uniforme. Também encaminhou proposta de voto de louvor para todas as funcionárias da APAHTI, pelo alto grau de profissionalismo e dedicação ao serviço, o que foi aprovado por unanimidade. Nada mais sendo discutido, o Presidente da mesa agradeceu a presença de todos e deu por encerrada a Assembleia às 15h40min, que teve a participação de 91 associados, sendo 30 presentes e 61 pela outorga de procuração a outros associados, conforme livro de presenças, de cuja A.G.O. lavrei a presente ata, que vai assinada por mim, Secretário e pelo Presidente da Assembleia. Porto Alegre, 20 de junho de 2017.

 

 

Alvaro Danúbio Copetti                                                           José Julião Farias Pereira

Presidente                                                                                          Secretário

 

 

VISTO: Dr. José Euclésio dos Santos

Advogado – OAB/RS nº 11888